Como descobri que tinha colestase gestacional

Talvez este seja um dos post mais importantes que já escrevi aqui no blog! Nas últimas semanas soube de dois casos onde a colestase deixou duas mamães de coração partido e braços vazios ao perderem seus bebês com 36 semanas de gestação. Uma dor inimaginável! A colestase intra hepática da gestação, também conhecida como colestase gestacional, não é muito comum, mas pode ser muito perigosa para o bebê.

No vídeo abaixo conto o que é e como descobri a colestase com 29 semanas de graviez. Foi através de um vídeo no You Tube que ouvi pela primeira vez a respeito dessa doença que pode atingir mulheres durante a gestação e quando os primeiros sintomas começaram, eu já imaginava o diagnóstico.

Espero, através desse vídeo, levar a informação para mais mulheres e poder ajudá-las a identificar a colestase o mais cedo possível para que possam ser acompanhadas mais de perto e evitar maiores riscos ao bebê.

Anúncios

Retrospectiva 2017

Como assim, retrospectiva em marco??  Pois eh eu sei, acho que a neve que caiu por aqui esses dias trouxe tambem o mojo perdido e esse blog esta voltando a ficar atualizado. Considerando que 2017 foi o ano mais importante da minha vida nao poderia passar sem uma retrospectiva, concordam?

Entao, como o carnaval acabou a pouco mesmo e considerando que o ano mal comecou ai no Brasil, aqui vai minha retrospectiva de 2017.

JANEIRO

Segundo mes de gravidez, mas ainda tudo em segredo. Foi um mes que demorou a passar, pois estava ansiosa para ir ao Brasil e poder contar as novidades pra todo mundo. E parecia que nao chegava nunca!

Tambem foi mes da ultra de 12 semanas, onde podemos ver nossa sementinha formadinha e ouvir o coracaozinho bater forte. Depois de confirmado que estava tudo certo com nosso feijaozinho pude contar no trabalho a novidade.

img_6532.jpg

FEVEREIRO

Foi um mes muito esperado, mes de irmos ao Brasil de ferias e contar a novidade pra toda a familia que ainda nem fazia ideia que eu estava grávida e eu jah estava com 4 meses de gravidez.

Foi um mes maravilhoso junto da familia, amigos, curtindo o calor dos trópicos.

IMG_6842

Tambem batizamos minha afilhada e sobrinha, Laura, que estava com 3 meses na epoca. A bonequinha da dinda!

IMG_6676

Fizemos tambem um ensaio fotográfico pra ficar na historia. 3 irmas em um momento muito especial da vida: a maternidade.

IMG_3373

Depois o único compromisso foi curtir o calor, sombra e agua fresca que resumiram o que foi esse mes. Tudo acompanhado de muitas fotos do barrigon.

IMG_8065

MARCO

Marco comecou ainda no Brasil, curtindo ferias e praia com a familia.

IMG_7490

Pouco antes de virmos embora ainda consegui participar do cha de fraldas da minha irma, que tambem estava gravida da Isadora. Ficamos gravidas com dois meses e meio de diferenca.

IMG_8175

Nesse mes tambem fomos ao medico no Brasil fazer a ecografia morfológica e descobrimos que estavamos grávidos de um MENINO!! Vinha um cuequinha no meio dessa mulherada toda.

4550C6BA-7FE0-42B7-8EBB-E0F17FD7C0CE

Foi um retorno a Inglaterra bem dificil, deixar minha familia, especialmente minha afilhada, foi dureza. Pensar em tudo que irei perder do seu desenvolvimento e das memorias que nao iremos construir enquanto estou longe foi muito dolorido.

ABRIL

O sol e o calorzinho primaveril deram o ar da graca e os churrascos marcaram presenca nesse mes gostoso. Tambem foi mes de comecar a preparar o quartinho do bebe.

Em abril tambem fiz meu primeiro ensaio de gestante e as fotos ficaram maravilhosas!

A76D387D-69A0-4D72-872F-BBDD2B241C9D

MAIO

Maio comecou com mais uma adicao na familia. Nasceu a Isadora!!! Minha sobrinha veio ao mundo no dia 12 de maio pra alegria da familia e saiu a cara do pai.

IMG_9092

Maio tambem foi o mes de dar uma espiada em como estava nosso moleque e a ecografia 3D nao conseguiu satisfazer a curiosidade dos papais quanto a quem ele parecia. Era uma mistura muito boa, uns acharam parecido com o pai, outros comigo, mas uma coisa era certa: ele era lindo!

img_9029.jpg

Mais um ensaio fizemos em maio, com a presenca do maridao dessa vez. E esse foi bem mais dificil, a barriga estava enorme e cada vez mais complicado de carregar pra lah e pra ca.

31A8CBEA-5500-4340-8F7E-3420E749F279

4B693DC9-7356-46D3-A882-3E0CC431AAB1

Neste mes tambem descobri que sofria de colestase gestacional e a gestacao que, ate entao, ia de vento em poupa, deu uma reviravolta e passei a ser monitorada duas vezes por semana no hospital. Tudo indicava que a minha gestacao nao ia ate o final, pois teriam que antecipar o parto para diminuir os riscos pro bebe.

JUNHO

Junho comecou bem complicado, muitas dores, consultas, visitas ao hospital, o emocional abalado, ora por ansiedade ora por tudo que estava acontecendo. Praticamente nem trabalhei, passei mais em repouso que qualquer outra coisa. Sem falar na tristeza por saber que antecipariam o parto do Felipe e minha mae nao chegaria a tempo por conta disso. Foi o mes do “que nao tem remedio, remediado esta”. Tive que internalizar essa maxima e encarar o que vinha pela frente. Junior estava me dando muitas forcas e isso foi essencial. Afinal essa eh nossa familia agora.

IMG_9075

Logo no inicio do mes recebi a visita da bff Andressa que estava na Italia e veio dar uma passadinha aquio pra me ver o que me animou bastante. Uma pena que eu estava sem condicoes de fazer muitos passeios com ela, mas os chimas no parque e as horas de conversas e desabafos foram deliciosas.

IMG_9182

Tambem foi o mes em que parei de trabalhar, pois precisava repousar e a inducao ao parto estava marcada para final do mes.

Ao contrario do que pensavamos, julho nao seria o mes mais importante de nossas vidas, Felipe veio pra nos mostrar que nossos planos sao vulneraveis e que se voce acha que tem tudo planejadinho e sob controle, well, think again.

Dia 23 de junho, com 36 semanas de gestacao, Felipe nasceu e o mes que comecou dificil se tornou o mes mais especial das nossas vidas! Ver o rostinho dele, sereno e saudavel foi de uma alegria imensuravel.

F9F14A97-01F3-49D1-A9A7-E33DF28AA1D4

AD3BEF9F-A43F-4F65-B633-C8C7E21A5231

JULHO

Deixamos de lado todos os perrengues passados e aprendemos que quem tem amigos tem tudo nessa vida.

Minha mae nao estava aqui, mas ganhei varias outras maezinhas que me ajudaram no hospital, fizeram comidinhas gostosas pra mim em casa e foram imprescindiveis nesse momento das nossas vidas e sou eternamente grata a elas.

IMG_9349

Mas obviamente fiquei ultra mega feliz quando minha mae e minha prima chegaram na segunda semana de julho pra passar um tempo com a gente e ajudar nessa nossa nova fase da vida.

IMG_9394

E a chegada da mamae e da prima foi muito esperada. Que mes maravilhoso com as fridas aqui, ter esse suporte de pertinho foi maravilhoso e eu e Felipe curtimos muito cada segundo.

IMG_0440

AGOSTO

Agosto, jah mais recuperada, fizemos alguns passeios pela Inglaterra pra mostrar um pouco do pais para as fridas, na maioria deles, nosso mascotinho nos acompanhava.

Comecamos por Londres.

IMG_0383

Depois foi a vez de Oxford.

IMG_0610

E terminou com uma visita ao palacio de Blenheim em Woodstock.

IMG_1360

SETEMBRO

Setembro trouxe os ultimos dias das fridas aqui na Inglaterra, mas antes de nos despedirmos ainda fomos a Stratford upon Avon fazer um passeio bate e volta com direito a um pulinho no Coombe Abbey park em Coventry. Um dos meu parques preferidos.

IMG_1539

IMG_1604

Fomos tambem tomar um cha da tarde ingles, jah que eh uma experiencia bem tipica que nao pode faltar pra quem vem pra Inglaterra.

IMG_1695

E deu tempo ainda de um passeio por St Albans num dia bem ingles com chuva sol, frio e calor.DSC_6518

DSC_6509

Depois foi hora de dizer ate breve.

OUTUBRO

Outubro foi o mes que tive que aprender a me virar sozinha com o Felipe, afinal as fridas foram embora, papai trabalhando, eramos soh eu e ele. E sabe que nos demos super bem?

IMG_2087

Outubro tambem aproveitamos para ir conhecer uma fazenda de aboboras perto de Londres e tirar umas fotos em clima outonal, afinal logo iriamos para o Brasil por um longo periodo de sol e calor e sem o papai.

IMG_2596

NOVEMBRO

Novembro comecou com a nossa viagem pro Brasil, fui aproveitar a licenca maternidade e passar mais tempo com a familia.

Felipe fez sua primeira viagem de aviao e foi logo um voo transatlantico de 12 horas. E nao eh que se comportou super bem?! Foi super elogiado pelos comissarios e mamae ficou toda boba.IMG_2848Tambem fomos conhecer a minha sobrinha Isadora que ainda nao conhecia. E rever minha afilhada sapeca. Felipe adorou as primas e passaram momentos lindos juntos.

img_3452.jpg

Em novembro tambem foi o aniversario de 1 ano da Laura e nos divertimos bastante.

IMG_5956

1 ano da Laura tambem significa que faz 1 ano que descobri que estava gravida do Felipe, exatamente no dia que ela nasceu, descobri que havia uma sementinha germinando em mim. E essa sementinha nao poderia ter se tornado em uma pessoinha mais linda!

IMG_5952

Aproveitamos que estavamos todas reunidas novamente para fazer o antes e depois da foto que tiramos em fevereiro eu e minhas irmas, agora com os tres bebes jah fora da barriga. Nossos maiores tesouros. Tao diferentes e todos lindos cada um na sua individualidade.

IMG_3374

DEZEMBRO

Continuamos no Brasil, revendo os primos, primas, tios, muita gente querida que nao via ha anos. Que mes maravilhoso!

Em dezembro tambem batizamos o Lipe e a Isa, num domingo de muito sol e calor. Nunca suei tanto em minha vida.

IMG_4017

O Natal foi cercado pela familia e o Felipe participou do seu primeiro amigo secreto. Por incrivel que pareca em pleno dezembro no Brasil estava frio no Natal.

img_4166.jpg

Tenho tanto a agradecer. Que ano maravilhoso! Nao poderia ter pedido um ano melhor, muito grata pela familia que Deus me deu e a esse anjo lindo que chamo de filho. Nosso melhor presente sem duvida nenhuma nesse ano de 2017.

2018 vai ser um ano importante, volta ao trabalho, Felipe vai pra creche e tenho certeza que isso nao sera facil, provavelmente mais dificil pra mim que pra ele, mas tambem quero voltar a vida normal, gosto do meu trabalho e vai ser muito importante pra nos dois que a mamae tambem esteja feliz e realizada profissionalmente.

E que venha 2018 com suas novas aventuras!

 

Diário de Gravidez: semana 36

A semana 36 começou tranquila, tive meu monitoramento no hospital na segunda-feira, exames de sangue, aumentaram a dose da minha medicação.

Tentei descansar um pouco, afinal tenho me sentido extremamente cansada, acho que as mudanças das últimas semanas finalmente “sinked in” um termo em inglês que tem o mesmo significado que “caiu a ficha” ( nossa, que velho isso, não?) e eu estou mais relaxada, afinal o que não tem remédio remediado está, já diz o ditado. ( Estou cheia das expressões hj).

image

Na quinta-feira feira pela manhã, dia 22/06, Julie veio tomar um café aqui em casa e depois seguimos para o meu almoço de despedida com o pessoal do escritório, ela aproveitou para rever o pessoal também que não via desde fevereiro quando saiu da empresa. Eu e o bebê fomos muito paparicados e ganhamos diversos presentes. Fiz uma pequena caminhada nesse dia do estacionamento ao restaurante no The Hub de MK e depois ao escritório, tudo na mesma quadra.

Cheguei em casa quase 3h da tarde e deitei no sofá para um cochilo. Minha barriga estava particularmente dura e as contrações de treinamento começaram, mas nada que já não houvesse vivenciado nas últimas semanas.

 

Junior chegou do trabalho depois das 5h, fizemos um lanche juntos e ele foi treinar. Eu voltei pro sofá assistir tv.

Às 6:30, quando estava levantando para ir ao banheiro, ouvi um pop dentro de mim e senti que minha calcinha umedeceu, fui ao banheiro e a ficha caiu, minha bolsa estourou.

image

Na hora fiquei na dúvida se era mesmo, porque não foi como estivessem jogado um balde d’água em mim como já li em muitos relatos, mas a água era incontrolável e tive a certeza que era questão de horas e eu estaria com meu bebê nos braços.

Liguei pro Junior que não atendeu e estava tentando contato com o hospital pra saber se eu esperava em casa o parto se estabelecer ou se precisava ir pro hospital. Consegui contato com o ADAU pouco antes das 7 da noite e pediram para eu ir ao hospital antes das 8h, assim as midwifes que faziam meu monitoramento semanal iam me ver.

E Junior que não atende esse telefone! Liguei pra Samanta, Gui logo ligou pro Zé, professor do Junior, e conseguimos falar com ele: “Venha pra casa, seu filho vai nascer!!”

 

Diário de Gravidez: semanas 34 e 35

Semana 34

É, parece que o caos está se instalando por aqui. Longe de mim querer ser pessimista e ficar reclamando da vida, mas as coisas não vão indo muito bem, nem perto do planejado pra falar a verdade. Estou cada dia mais exausta, com dores, contrações de treinamento todas as noites, às vezes até desconfio que não sejam só de treinamento. Sem falar na colestase, médicos e mais médicos, exames e mais exames. Descobri essa semana que uma prima perdeu um bebê há alguns anos por causa da mesma doença. Fiquei super nervosa, aproveitei o tour que faríamos no hospital no sábado pra conversar com a midwife a respeito e eles resolveram aumentar meu monitoramento pra duas vezes na semana.

Não estou tendo condições físicas, nem psicologicas para ir trabalhar e o médico resolveu me afastar até dia 30/06 quando está marcada minha indução.

Ahh, não falei isso ainda né? Dia 30 quando já estarei com 37 semanas e cinco dias eles vão induzir meu parto, já está tudo marcado no hospital e tive uma longa conversa com o médico sobre isso. Como os níveis da biles estão altos no sangue, eles acham melhor e mais seguro para o bebê estar aqui fora. Sendo assim, com 37 semanas já consideram que o bebê corre menos risco fora que dentro e então o parto será induzido.

O que mais me abalou nessa história toda é que minha mãe chega somente dia 11 de julho, como a indução é dia 30, minha mãe não vai estar aqui pro nascimento do meu filho. Tentei trocar a passagem, mas as taxas estão absurdas!! Praticamente o valor de uma passagem nova somente pra antecipar a data. Então vou ter que me conformar que ela não estará aqui.

Ainda bem que minha amiga está aqui pra me dar um apoio psicológico e distrair um pouco.

image

 

Sá e Gui também vieram jantar aqui em casa e gosto disso, pois além de distrair ainda me divirto muito com a casa cheia.

image

Semana 35

Fui ao trabalho conversar com minha chefe e fazer os últimos ajustes para minha licença maternidade começar antes, já que não vamos esperar minha due date que seria 17 de julho. Cancelei também as duas semanas de holidays que tiraria, pois estou de liçença médica.

Também reagendamos o meu almoço de despedida que seria dia 30 pro dia 23, assim posso me despedir do meu time direitinho.

Essa semana tem sido de preparação, terminar a mala da maternidade do bebê e a minha, a indução pode demorar 72 horas, então a midwife falou pra me preparar para um fim de semana prolongado.

image

Samanta me ajudou a terminar o quartinho do bebê, comprar os últimos itens o que fez eu me sentir menos ansiosa. Ainda não está tudo pronto, falta pendurar os quadrinhos, trazer o puf que está na sala e dar a ultima organizada. O berço não compramos ainda por falta de espaço e vamos usar um moises nos primeiros meses.

image

Foi uma semana bem corrida, três consultas no hospital e toda correria que já falei ai em cima, mas está chegando a reta final e se Deus quiser vai dar tudo certo.

Quadrinhos que a Sa pintou à mão com todo carinho e capricho. Fiquei apaixonada por eles.

image

 

 

Diário de Gravidez: semanas 30 e 31

Semana 30

Minha sobrinha nasceu!!! A Isadora nasceu dia 12/05, linda e a cara do pai. Dá até um friozinho na barriga em pensar que logo, logo é a minha vez.

image

Por aqui as coisas continuam na mesma, firme e forte no trabalho, mas não sem muita dores nas costas. Haja bolsa de água quente, minha gente!!

Minha PGP ( dor na região pélvica) tem ido de mal a pior, mas vou dar mais uma semana de exercícios antes de recorrer a fisioterapia novamente, até porque a fisio daqui é completamente diferente e o só te dão exercícios pra fazer em casa.

A notícia mais legal da semana é que fomos fazer a ultra 4d! Eeee

image

Pude ver meu bebê que está crescendo e se desenvolvendo muito bem obrigada, com 30 semanas ele está com 1.700kg e esbanjando saúde. Como é gostoso ve-lo e ter essa sensação de que, até onde se pode checar, o seu bebê está bem e saudável. Dá uma paz pro coraçãozinho de mãe da gente.

image

Ainda não consigo achar ele parecido comigo ou com o Junior, minha mãe acha que o nariz é do pai, o pai também acha que é mais parecido com ele, mas não sei, não acho tão visivel não. Acho mais uma mistura mesmo de nós dois. Ou será meu orgulho mesmo não querendo admitir que vai vir mais um bebê nessa família que é a cara do pai?

Também foi a semana do Dia Das Mães e minha mãe não podia estar mais linda e feliz com mais uma netinha nos braços!

image

Por aqui o dia das mães foi celebrado com muita roupinha de bebê no varal. Hora de começar a lavar tudo, passar e guardar para logo fazer a mala da maternidade.

image

 

Semana 31

A trigésima primeira semana começou com uma consulta de rotina com a midwife. Tudo aparentemente, normal, apesar de ela ter ficado um pouco preocupada com o tamanho do bebê. Aqui eles medem sua barriga, do ponto onde ela começa, logo abaixo dos seios, até o ossinho da pélvis pra acompanhar o crescimento do bebê.

Na última consulta, três semanas atrás, estava em 28 cm, o que já nos colocou na faixa de crescimento de cima do gráfico que serve de parâmetro, como esse aqui embaixo.

image

Ela falou da possibilidade de termos um bebê grande e que o ideal seria se ele acompanhasse essa linha de crescimento, porém essa semana medi 31cm, ou seja, ultrapassamos a linha de crescimento em que estávamos, então ela me encaminhou para uma ecografia, afim de avaliar o crescimento do bebê com mais precisão.

image

 

Confesso que a idéia de ter um bebê grande assusta um pouco, primeiro porque não esperava, já que sou pequenininha e Junior é magro e alto, mas longe de ser graaande. Segundo, porque gostaria de ter parto normal e dependendo do tamanho do bebê pode ser mais complicado ou impossível.

image

Outro sintoma que relatei a midwife foram as coceiras nos braços e pernas, proximo às mãos e pés, fiz um exame de sangue e deu uma leve alteração para colestase. Até onde sei colestase é uma toxina produzida pelo fígado e que quando não eliminada, se acumula em maior quantidade no sangue causando coceira, às vezes, insuportáveis. Até ai tudo bem, porque coceira a gente remedia e passa, mas parece que a colestase pode ser prejudicial para o bebê e aumenta as chances de morte fetal.

image

Não vou me preocupar antes da hora, porque a coceira é bem levinha e a alteração no exame parece que foi mínima, mas já tenho consulta semana que vem para repetir o exame e monitorar a situação.

image

No trabalho, essa foi sem dúvida a pior semana de trabalho durante a gravidez, não só devido as minhas dores nas costas e quadril que tem tornado minhas horas na cadeira do escritório, praticamente infernais, mas foi uma semana de muita correria, muitas reuniões intermináveis, muita coisa pra fazer e pouco tempo pra executar. Se eu pudesse beber, teria aberto uma garrafa de vinho pra celebrar o final dessa semana.

image

O quartinho do bebê ainda está uma zona, mas pelo menos as roupinhas já estão todas lavadas e só falta passar uma última leva, então, de dentro pra fora já há progresso. Viva!!

image

Essa semana também aproveitamos para fazer as últimas fotos do barrigon. Sa veio aqui em casa de novo, me arrumou toda e finalmente tiramos as fotos com o papai aqui e ao ar livre. Estou amando as fotos que tiramos e o àlbum vai ficar a nossa cara.

Para evitar que os posts fiquem muito longos, resolvi fazer os diários de duas em duas semanas, principalmente agora tem mais coisas acontecendo já que estamos cheganfo na fase final.